Sair em London

Filter by:

Guia

Destaques, dicas e informações para viver experiências de vida noturna autênticas em London

A que horas as pessoas saem e como é noite em Londres?

Londres é uma das cidades mais activas do mundo, a qualquer hora do dia ou da noite. Existem mais de 5.000 locais aqui, uma quantidade impressionante para apenas uma cidade. Vai encontrá-los tanto no centro da cidade como na periferia, e há pubs, clubes, bares, discotecas e muito mais. Para uma noite mais tranquila, há muitas alternativas: um espectáculo no teatro, um concerto indie ou uma jam session, uma estreia de cinema, uma actuação num local deslumbrante... Londres satisfaz todos, sem demasiados preconceitos, sem demasiadas preocupações, mas com uma missão comum: passar um bom bocado. Come-se cedo aqui, entre as 18h e as 21h, depois as cozinhas fecham. Mas ainda há inúmeros fast-foods; na verdade, aqui em Londres pode-se comer a qualquer hora. As pessoas saem muito cedo, provavelmente porque o jantar acaba cedo. Já por volta das 17h pode ver grupos de jovens nas ruas, prontos para a festa. As pessoas vão às discotecas das 22h às 2h, depois fecham. Algumas discotecas, como a EGG, a Printworks ou a Fabric, ficam abertas até mais tarde, mas geralmente a noite nos clubes aqui em Londres não dura muito tempo. Embora o centro esteja sempre cheio de gente. É muito comum, especialmente para os britânicos, terminar o trabalho por volta das 17 horas e depois ficar nos pubs durante toda a noite. Por esta razão, encontrará muitos pubs e bares completamente cheios. Normalmente durante a semana, os bares fecham por volta da 1 da manhã, enquanto às sextas-feiras e aos sábados entre as 3 e as 4 da manhã. A outra melhor opção para beber sem gastar muito, já que Londres é muito, muito cara, é comprar álcool no supermercado e beber em casa de amigos antes de ir ao clube. Londres pode parecer uma cidade bastante anárquica se você viver a noite; você pode realmente encontrar qualquer coisa aqui. Mas não pense que será livre de fazer tudo o que quiser; a partir das 22 horas, não poderá comprar álcool nas lojas nocturnas e nem sequer poderá beber nas ruas. A alternativa é beber num clube ou em casa, que é o que muitas pessoas fazem. Londres é uma cidade muito movimentada e há muitos controlos, comporte-se bem e não terá problemas, tal como em qualquer outro lugar.

Quais são os melhores bairros para sair em Londres?

Londres é historicamente uma das cidades da música, e é algo que se percebe nas ruas. É muito grande e, acima de tudo, é muito diversificada. Aqui você pode realmente encontrar tudo; é uma cidade que oferece alternativas para todos os gostos. No centro da cidade, a vida nocturna decorre em Leicester Square, Picadilly e Oxford Street, onde existem restaurantes, bares, pubs, clubes elegantes e locais tranquilos onde se pode beber um copo e apreciar música suave. Em zonas mais ricas, como Kensington ou Chelsea, existem locais ainda mais exclusivos, muitas vezes privados, onde é super difícil o acesso. Londres é uma cidade em que coexistem diferentes culturas, o que cria um público bastante distinto, mas ao mesmo tempo misto. Piccadilly Circus é o coração da vida nocturna de Londres e é sempre muito concorrida, tanto de dia como de noite. Em West End, a Broadway de Londres, encontrará muitos teatros onde poderá desfrutar de uma peça de teatro ou de um musical. O Soho é a zona chique e gay da cidade, mas também subterrânea, literalmente. Na verdade, está cheio de clubes subterrâneos onde pode passar a noite a dançar. O Shoreditch, por outro lado, é o bairro artístico e criativo; o bairro hipster por excelência. Há muitos clubes e discotecas nesta zona, incluindo Bounce, XOYO e Cargo. No coração de Londres, perto de Bond Street, Mayfair é uma das zonas mais prestigiadas da cidade. A zona leste de Londres é conhecida por ser uma área culturalmente activa. Aqui também, encontrará muitos restaurantes, bares e clubes. Camden Town, por outro lado, é o conhecido distrito de rock e jazz de Londres, onde prevalece a música ao vivo. Os concertos de rock e jazz são muito populares nos clubes famosos, como o KOKO ou o Castelo de Dublin. Brick Lane é um bairro multi-étnico, fresco e vibrante. Aqui você encontrará cervejarias, incluindo Old Truman, cafés e clubes, incluindo o Vibe Bar. Para encontrar discotecas com hip hop, funk, bateria e música baixo você precisa ir para Brixton. Para uma noite calma com os amigos, pode escolher um bom cocktail bar em South Kensington, que é uma zona rica e de renome. A música em Londres faz toda a gente feliz: da música clássica ao rock, dos concertos de guitarra acústica aos eventos de música electrónica, as noites de Londres estão entre as mais ecléticas e variadas do mundo. Se quiser animar a sua noite com hip hop, jazz, metal ou rock, alguns dos locais para si são o Jazz Caff em Camden Town e o Vortex Jazz Club em Dalston. Em certos lugares ainda pode desfrutar de um concerto numa garagem, como nos anos do rock e do punk. Em Londres os amantes da música electrónica têm muitas opções. Para uma longa noite de grande música, EGG ou Fabric têm alguns dos mais incríveis line ups, as belas gravuras, The Cross na zona de King's Cross, o histórico Ministério do Som na antiga estação de autocarros... a lista é interminável. Se lhe apetecer um concerto de funky, hip hop, reggae ou drum & bass, terá de ir ao Cherry Jam ou Dogstar, em Brixton Village. Este lugar é caracterizado pela multietnicidade e a cozinha mais deliciosa aqui é caribenha, como a música que vai ouvir nas ruas. Outros locais intrigantes são o Cirque Le Soir, com os seus espectáculos extravagantes todas as noites, Funky Buddha, um dos clubes mais exclusivos da cidade, Kengsington Roof Gardens, no sótão do edifício do Derry and Toms, Bouijis, onde poderá ser difícil entrar pois é frequentado por muitos VIPs.

Qual é o custo de uma noite fora em Londres?

Na maioria dos clubes de Londres, a taxa de entrada situa-se entre 15£ e 30£, excluindo bebidas. Estes custam entre 10£ e 20£, dependendo do clube. Os preços são muito mais elevados nas zonas centrais da cidade, em comparação com a periferia. Além disso, os cocktails são feitos com um copo doseador e podem não ser tão fortes como se deseja. Muitos escolhem a cerveja, que custa entre 4£ e 8£. Em geral, uma forma de poupar dinheiro é comprar álcool no supermercado; com 10£ pode comprar uma garrafa de bebida decente e refrigerantes para fazer cocktails. Tenha cuidado: Londres é uma cidade inovadora, mas os transportes públicos podem não estar operacionais a noite toda. Às sextas-feiras, o metro está aberto até à 1 da manhã, enquanto aos sábados é até às 5 da manhã. Nos outros dias, o último comboio é à meia-noite. Cuide das horas, os táxis aqui são uma das coisas mais caras. Apenas alguns quilómetros de viagem podem custar-lhe 40£. Em alternativa, pode utilizar serviços alternativos como o Uber.

Qual é o dress code em Londres?

Londres é uma cidade sem limites. É a cidade do punk, dos concertos nas garagens e dos casacos de couro. Dependendo do clube onde se vai, o estilo é ditado pela música oferecida. Nos locais mais elegantes e exclusivos terá de ir bem vestido: camisa e calças compridas (para ele) ou um vestido bonito (para ela). Esta é a cidade onde você pode se expressar como preferir, sem se preocupar muito e sem muitos limites. Ninguém se vai virar e olhar para si. A esquisitice aqui é muito comum!!